Para a Pantone®, 2018 será um ano de contemplação

Falamos por aqui sobre a Greenery, cor do ano 2017, que trazia desejo de novos começos, e sobre as cores Rose Quartz e Serenity, do ano de 2016, que falavam sobre igualdade e fluidez de gênero. Para 2018, a cor escolhida foi a Ultra Violet que trás, entre outros, um desejo de iluminar o caminho para o que está por vir, por despertar instrospecção e imaginação.

A Pantone®, assim como diversos outros movimentos de design, reflete diretamente o que a sociedade está pensando e passando, e essa cor do ano de 2018 dividiu opiniões tanto quanto a verde do ano passado, mas não poderia ser diferente.

Segundo a marca, a Ultra Violet desperta nas pessoas originalidade, ingenuidade, e pensamentos visionários que apontam para o futuro. Isso conversa diretamente com o desejo para 2017, que era o recomeço já que responde a pergunta: “Recomeçamos e vamos para onde?” Oras, para o futuro, é claro!

Prince, Purple Rain Tour

“Complexa e contemplativa, a Ultra Violet flerta com os mistérios do cosmos, a curiosidade sobre o que está à frente, e as descobertas além de onde estamos agora. O vasto e ilimitado céu noturno é um símbolo do que é possível e continua a inspirar o desejo de perseguir um mundo além do nosso.

Os roxos enigmáticos também estão presentes na simbologia da contracultura, no não-convencional e no brilho artístico. Ícones musicais como Prince, David Bowie e Jimi Hendrix trouxeram tons de Ultra Violet para a frente da cultura pop como expressões pessoais de individualidade. Cheia de nuance e de emoções, a profundidade da Ultra Violet simboliza experimentação e não-conformidade, incentivando indivíduos a imaginar a sua marca no mundo, e empurrar limites através da criatividade.”

Historicamente, além de ser associada com práticas de meditação, essa cor também é bastante associada com a realeza e prosperidade africana. Na cultura Ashanti, a cor violeta, junto com o roxo, é associada a Mãe Terra e à cura; na cultura egípcia, com a virtude e a fé.

Uma cor tão importante como essa para a cultura africana só nos faz pensar em como a escolha da Ultra Violet também significa um aprofundamento ainda maior nas discussões das questões de raça.

Vamos juntos para o futuro? 😉

Comente pelo facebook

1 comment

  1. O roxo é uma cor que me inspira tranquilidade e mistério. Acredito que a Pantone foi muito feliz ao escolher essa cor para o ano de 2018, pois estamos em uma época de transformações planetárias.

    Beijinhos

Deixe seu comentário!