Quem é aquela garota?

banner3

Durante muito tempo, ser feminista era sinônimo de ser radical, extrema, irritadiça, e muitas meninas evitavam a todo custo sequer pronunciar essa palavra, muitas vezes por não entender o que é, exatamente, essa militância. Eu inclusa. Se assumir feminista, há não muito tempo, era saber que com certeza você seria xingada, chamada de mal-amada (pra não dizer outra coisa), e coisas piores…

Então, quando eu entendi o que significava o feminismo do qual eu queria fazer parte, eu parti numa jornada por grupos e grupos até eu encontrar aqueles nos quais eu encontraria empoderamento, amor, sororidade, compreensão, amizade. Minha busca me levou a diversos lugares e hoje posso dizer que sou bem acolhida em todos os grupos que frequento.

Ainda assim, nunca é tarde para ser apresentada a mais uma chuva de amor e empoderamento, certo? Foi nessa vibe que eu fui apresentada e introduzida ao I Am That Girl (em tradução literal, Eu Sou Aquela Garota) por uma amiga que eu tenho bem perto do meu coração.

O I AM THAT GIRL é, segundo seu site oficial, “uma comunidade, um sistema de apoio, e um movimento para inspirar garotas a se amarem, a se expressarem e a serem quem elas são.

Fundado por Alexis Jones, escritora, ativista e palestrante, a ONG nasceu da necessidade de mudar o mundo, uma pessoa de cada vez. Lex percebeu que as mulheres em formação precisavam lutar contra as injustiças sofridas tanto pelo sexo feminino e tanto pelas injustiças que elas sofriam como indivíduos.

Transformar auto-dúvida em auto-amor

O bem estar físico, emocional e mental de uma garota está enraizado no valor que ela tá a si mesma. E nós estamos vivendo uma epidemia de auto-dúvida.” É assim que o IATG começa a explicar sua visão. Transformar auto-dúvida em auto-amor proporcionando um espaço seguro onde jovens mulheres podem se empoderar e conversar sobre coisas que realmente importam é um dos jeitos de, pouco a pouco, fazer com que as garotas acreditem nelas mesmas.

O que nós vemos no dia-a-dia é uma infinidade de negatividade vindo do mundo e de dentro de nós mesmas. “Todos os dias, garotas são bombardeadas com mensagens que as atacam e as machucam mostrando o que elas NÃO SÃO e nós trabalhamos todos os dias para ajudá-la a amar quem elas SÃO; ver isso nelas mesmas e inspirar outras.

Através do empoderamento, a Alexis e o I Am That Girl alcançam resultados inspiradores em mulheres que descobrem o grande poder que elas mesmas possuem e ao mesmo tempo descobrem que, unidas, podem fazer muito mais, mudar suas vidas e criar um mundo mais saudável, seguro e de mulheres poderosas.

Escreva um novo capítulo

O projeto, que já tem 5 anos, conecta milhares de garotas em uma comunidade online com mais de 150 mil membros, mas além disso, também trabalha de uma forma bem criativa e bem inspiradora: através de capítulos locais. E como eles funcionam?

Existem cerca de 100 capítulos pelo mundo, espalhados por várias cidades –inclusive cidades no Brasil!–, e que empoderam, apoiam e educam garotas que se sentem abraçadas pelo projeto. Nos encontros, além de conversarem sobre assuntos que dizem respeito a todas as mulheres, elas também são incentivadas a falar dos seus próprios trabalhos, sejam eles grandes ou pequenos, já que nada deve passar despercebido, e, como diria o Doutor, “em 900 anos eu nunca encontrei um ser humano que não fosse importante.”

Quem é “that girl”, afinal?

Tomei a liberdade de pegar a própria definição do site e traduzir, já que não há melhor jeito de explicar:

THAT GIRL é a melhor versão de nós mesmas. Ela é de todas as idades, etnias, classes e religiões.

Ela tem um coração gigantesco, e uma mente linda de morrer e maravilhosa. Ela é um constante trabalho em progresso, ela procura estar confortável em sua própria pele. Ela fala a verdade, vê o melhor nos outros e está deixando o mundo melhor do que quando o encontrou.

tumblr_mav68hvipM1r7dslf

Vamos, juntas, deixar o mundo melhor do que nós o encontramos?

Comente pelo facebook

1 comment

  1. Isis

    E temos capítulos e encontros aqui no Brasil!!! O I AM That Girl está expandindo e está lindo de ver. Quem quiser saber mais pode acessar a página IATG chapter São Paulo pelo facebook (:

Deixe seu comentário!