Quer começar um bullet journal e não sabe como? Nada tema!

bullet_setembro

Eu já vinha namorando com a ideia de fazer um bullet journal na minha cabeça há um tempo quando as coisas começaram a se desorganizar muito e eu precisei começar a colocá-las em algum lugar, do contrário eu ia (1) surtar (2) e esquecer de fazer tudo. Então, em setembro, eu resolvi finalmente começá-lo!

Mas o que é um Bullet Journal? Bullet Journal ou BuJo, é um caderninho/bloquinho/qualquer coisa que você use pra fazer o que o criador do sistema, Ryder Carroll, chama de rapid logging, ou seja: um lugar pra você anotar ~rapidamente~ as coisas que você fez, está fazendo ou ainda fará/precisa fazer.

Pra isso, você se organiza em bullets –daí o nome–, que nada mais é do que literalmente aquelas “bolinhas” que o Microsoft Word gera pra você. Escrevendo bullets que te ajudam a controlar o dia e o que você precisa fazer, você consegue ter mais visão das atividades que te esperam naquele dia, naquela semana e até mesmo naquele mês.

Há um mês mais ou menos eu postei uma foto no meu Instagram pessoal pedindo “perguntas”, conversei com alguns amigos, e com a ajuda dos posts da guru do Bullet Journal aqui no Brasil, a Maki, eu resolvi escrever esse post pra te dar umas dicas de como começar, agora que você já sabe o que é, essencialmente.

O primeiro passo é mesmo fazer uma legenda?

Sim e não. Você pode seguir sua vida apenas listando as coisas e riscando assim que as completa, mas o que eu fiz foi uma mistura da legenda que o Ryan criou, com umas legendas que eu vi por aí. Cada tarefa é um bullet normal, uma bolinha, que pode ser adaptada para outras coisas:

bullet_legenda

Com o tempo eu fui acrescentando também outras legendas pras tarefas que indicassem tempo, ou seja, eu tinha a tarefa e, na frente, um solzinho para tarefas da manhã, uma nuvenzinha para tarefas da tarde e uma luazinha para tarefas da noite 🙂

“Não tenho nada pra colocar no meu bullet journal!”

Essa é a coisa que eu mais ouço. Como freelancer e pessoa organizando uma viagem longa, eu tenho muitas coisas pra colocar no meu BuJo, mas esse não necessariamente é o seu caso. O que muitas pessoas esquece, porém, é que apesar da maioria das pessoas usar um bullet journal para tarefas, ele não necessariamente é pra isso. Eu escrevi lá em cima que era um rapid logging. Não disse do quê.

A Michelle usa uma das páginas de seu journal para organizar suas encomendas de ilustração.

O que isso quer dizer? Quer dizer que muita gente usa o bullet journal pra anotar, por exemplo, coisas que já foram feitas, para “levantar o moral” e dar mais motivação. Tem gente que usa pra acompanhar hábitos alimentares, exercícios, remédios, ciclo menstrual e até mesmo as séries e livros que assiste e lê. Não tem desculpa!

bullet_selfcare

Qual caderno uso? Qual tamanho? Caneta ou lápis?

Meu “kit” consiste em: marcadores de várias cores, caneta preta de ponta fina, lápis (pois não vivo sem) e um caderninho tamanho A5. O meu é pontilhado, mas ele pode ser quadriculado, pautado, sem pauta ou o que servir melhor pra você 🙂

bullet_materiais

Todas essas coisas você escolhe de acordo com a sua necessidade. Eu tenho um amigo que usa um caderno A6 pois quer andar com ele no bolso. Vai inteiramente de você. O que nos leva à proxima…

Faça o que funciona pra você

Não tenha medo de testar diversos logs/desenhos no mesmo caderno. Às vezes no meio do caminho você vai precisar de post-its para te auxiliar numa tarefa mais complicada que você tá a fim de deixar no BuJo pra não se perder. Cole os post-its!

bullet_week2

E às vezes só uma divisão comum já é suficiente.

bullet_log

Funciona com um caderno menor?

Funciona com o que funciona pra você. Esse é o lema do BuJo. O importante não é ser bonito, é ser funcional. Não importa quantos desenhos e letterings você faça, se você abandonar no meio do mês já não valeu de nada.

Uma dica pra você que quer usar um caderno menor: usa uma página pra cada dia da semana (ou uma página a cada dois dias, se você não fizer muita coisa), uma pro fim de semana e antes de todas essas uma página pra te dar uma ideia de como vai ser a semana. Assim, você tem espaço pra escrever o que precisa e ainda consegue usar algo menorzinho.

Deixe seu bullet com a sua cara

Meu BuJo é todo colorido porque é assim que eu sou, mas você pode literalmente fazê-lo do jeito que você quiser. Um que eu sempre gosto de usar como exemplo é o da Kenna, que a Celle me mostrou. Ela tem um vídeo (em inglês) super lindo onde ela explica o que faz:

Mas, essencialmente, ela recorta pedaços de papel e escreve neles com máquina de escrever, porque isso funciona pra ela. Você pode não colocar cor nenhuma e só escrever/riscar.

O que eu faço é adaptar modelos que eu vejo online (ou na hashtag #bulletjournal no Instagram) pras minhas necessidades.

Nesse exemplo, a primeira página do mês de Novembro tem datas importantes, pequenos lembretes, calendário rápido, metas do mês, pequeno quadro de gastos, pequeno quadro de economias, e quadro de boas coisas que aconteceram.

Preciso abandonar a agenda digital?

Aqui vai 100% de você. Como eu tinha muitos compromissos relacionados à viagem e à retirada de documentos, visto americano e etc, em lugares que eu não sabia onde era. Colocá-los como lembrete no meu BuJo mas também colocá-los no Google Agenda me ajudava a me localizar. A mesma coisa com exames para os quais eu tinha que tomar algum remédio ou ficar em jejum por algum período de tempo.

Minha melhor amiga mantém o dela e o Google Agenda para o trabalho, e funciona, mas para a Maki, por exemplo, só o BuJo já é suficiente.

Minha maior dica é: não abandone aquilo que funciona pra você. Se você precisa do Google Agenda para certas coisas e ele já funciona, continue com ele. Você não precisa necessariamente escolher um só método, você pode combinar o melhor de cada um e tornar sua vida cada vez menos complicada 🙂

Afinal de contas, é pra isso que estamos aqui!

Agradecimentos desse post: à Maki, por ser maravilhosa e se dedicar a apresentar esse sistema pro mundo, e à Lu Shiose, por me ceder o BuJo dela pra algumas fotos <3

Comente pelo facebook

8 comments

  1. Sabe a coincidência gigantesca? Estava pesquisando sobre isso há alguns dias e iniciei o meu, oficialmente, ontem.
    Que maravilhoso ter mais inspirações por aqui 🙂

    <3

  2. Bruna

    Eu já faço o BJ há um tempo, mas o meu está acabando e eu estou doida atrás de um pontilhado, igual o seu, onde você comprou?
    E amei o seu, as cores que você usou ficaram lindas juntas!

  3. Eu já tentei o BuJo e não me acertei. Agora to fazendo ele on-line no Google Keep, junto com o Google Agenda ta dando certo 🙂

    Adorei as dicas 🙂

  4. Thaís

    Uso Google agenda pra fazer o chamado “future log” e pra marcar compromissos. Meu Bullet Journal é planejado semanalmente e eu divido as tarefas da semana (coisas como comprar itens no mercado, costurar determinada roupa, etc) e anoto os compromissos do Google agenda para aquela semana (as vezes subdivido-os em tarefas menores, pra eu me controlar melhor). Anoto tudo em apenas uma lista semanal q eu vou marcando quando fizer cada item. A produtividade agradece 🙂

  5. EU AMO ESSE POST E VOU DEFENDÊ-LO ♥
    coisa mais linda ver o BuJo dominando o mundo e as pessoas curtindo fazer esse método. pra mim é tipo uma terapia, é muito amor! e o post ficou incrível, brigada pelas menções e por fazer com tanto carinho! ♥

  6. Comecei há alguns meses com um caderninho mais simples, mas vou fazer um mais elaborado em breve 😉 Realmente, mudou minha vida, consigo organizar TUDO nas coleções, até as coisas da mudança que acabei de fazer – e agora tô fazendo um esquema de arrumação da casa pra fazer pouquinho todo dia mas manter a casa sempre limpa e arrumada.

  7. Amei! Comecei a fazer o meu e já passei pra azmiga tudo.
    Garotas, tem algum post sobre letterings? Queria ler mais sobre!
    Obrigada por esse post. Bjão!

  8. Obrigada pelas dicas, adaptei meu caderno comum para um BoJu e cara deu super certo. Tive que fazer isso pois tenho muitas tarefas em muitos horários diferentes e um caderninho A5 não da pra colar tudo.

Deixe seu comentário!